Domingo XIV do Tempo Comum - Lect'Yo!

Evangelho Mt 11, 25-30

«Sou manso e humilde de coração»

Evangelho de Nosso Senhor Jesus Cristo segundo São Mateus

Naquele tempo, Jesus exclamou: «Eu Te bendigo, ó Pai, Senhor do céu e da terra, porque escondeste estas verdades aos sábios e inteligentes e as revelaste aos pequeninos. Sim, Pai, Eu Te bendigo, porque assim foi do teu agrado. Tudo Me foi dado por meu Pai. Ninguém conhece o Filho senão o Pai e ninguém conhece o Pai senão o Filho e aquele a quem o Filho o quiser revelar. Vinde a Mim, todos os que andais cansados e oprimidos, e Eu vos aliviarei. Tomai sobre vós o meu jugo e aprendei de Mim, que sou manso e humilde de coração, e encontrareis descanso para as vossas almas. Porque o meu jugo é suave e a minha carga é leve».

Palavra da salvação.


 

Concentra-te e faz o sinal de cruz para iniciares a leitura orante de hoje. Não te esqueças de invocar o Espírito Santo, com a oração que te demos como exemplo ou com uma oração pessoal. Seja de que maneira for, é importante que o faças. Com a ajuda do Espírito de Deus, mais facilmente entrarás nos mistérios da Sua Palavra.

Lectio

Lê, uma primeira vez, o Evangelho de hoje, de forma descontraída mas concentrada. Não te preocupes em fazer uma análise do texto (não é este o objectivo!); lê-o tendo em conta que é Deus que te fala, a ti pessoalmente. Depois, lê mais uma ou duas vezes (ou as vezes que quiseres) e tem em atenção, principalmente, duas coisas: as personagens que surgem neste excerto e o diálogo que travam entre elas. Facilmente identificas estes pormenores. Aqui, Jesus faz uma oração ao Pai, louvando-O e bendizendo-O. Após isso, dá a conhecer que só o Deus Pai conhece o Filho e só o Filho conhece o Pai. Podes verificar, no entanto, que Jesus dá a conhecer que só através d'Ele é possível que nós conheçamos inteiramente o Pai. De facto, já antes de Jesus, os homens do Antigo Testamento conheciam o Pai. Porém, só com a Encarnação de Jesus pelo Espírito Santo e com a sua Morte e Ressurreição é conhecido projecto de Salvação de Deus Pai e, deste modo, o próprio Pai e os seus desígnios. Porque, recorda-te (etimologicamente, lembrar algo gravado no coração) sempre, o Filho é "o caminho, a verdade e a vida" e "Ninguém pode chegar ao Pai sem ser por mim" (Jo 14, 6), diz o próprio Jesus. Cristo incita ainda a que seguimos o seu exemplo e sejamos mansos e humildes de coração. Isto vai ao encontro dos ensinamentos no chamado Sermão da Montanha: "Felizes os que têm espírito de pobres, porque é deles o reino dos céus!" (Mt 5, 3); "Felizes os humildes, porque terão como herança a Terra!" (Mt 5, 5); "Felizes os pobres, porque vos pertence o reino de Deus." (Lc 6, 20). Por isso, sermos cristãos é sermos como Jesus: mansos, humildes e pobres.

Meditatio

Agora, medita sobre a Palavra que acabaste de ler e reflecte sobre o que Ela te diz neste exacto momento da tua vida. É uma meditação muito pessoal e eu pouco posso ajudar neste passo. Mas, olha para dentro de ti e analisa-te: Tens espírito de pobre? És manso e humilde? Estas são das principais características de um cristão. Entra em conflito contigo próprio, confrontando o Evangelho de hoje com a tua vida. É natural que nem toda a gente nasça humilde, manso ou com espírito de pobre. O importante é estares disposto a dares o teu máximo para alcançares o máximo de humildade e mansidão.

Oratio

Chegou a altura de conversares com Deus, abre-lhe o coração e fala abertamente com ele sobre aquilo que meditaste antes. Eu, pela minha parte, quero rezar, principalmente, por aqueles que não estão dispostos a ouvir os ensinamentos do Teu Filho e a seguir o Seu exemplo: dá-lhes, Pai, a força e a vontade de viver o Evangelho e de abrirem o coração à humildade e à mansidão. Não quero esquecer, porém, aqueles que já o fazem: que não desistam de seguir Jesus e que a sua fé aumente em cada novo acto de humildade. Ámen.

Contemplatio

Agora coloca-te numa posição de adoração e agradecimento ao Deus Pai, Filho e Espírito Santo. Deixa-te estar, humildemente, e esforça-te por sentir a Sua presença. Entrega-te a este momento de adoração. Quando quiseres, termina este tempo de oração a partir da Sagrada Escritura, levando contigo a vontade de seres mais humilde e manso à imagem de Jesus.

Marcações: Lectio Divina, Oração, Lect'Yo, Ano A

Imprimir

Cristo Jovem - Pastoral Juvenil, comunicação e evangelização

Juventude que acredita!
Segue-nos em

LECT'YO