Terça-feira I do Tempo Comum

Evangelho Mc. 1, 21b-28

Evangelho de Nosso Senhor Jesus Cristo segundo São Marcos

Jesus chegou a Cafarnaúm e no sábado seguinte, entrou na sinagoga e começou a ensinar. Todos se maravilhavam com a sua doutrina, porque os ensinava com autoridade e não como os escribas. Encontrava-se na sinagoga um homem com um espírito impuro, que começou a gritar: “Que tens Tu a ver connosco, Jesus Nazareno? Vieste para nos perder? Sei quem Tu és: o Santo de Deus.” Jesus repreendeu-o, dizendo: “Cala-te e sai desse homem”. O espírito impuro, agitando-o violentamente, soltou um forte grito e saiu dele. Ficaram todos tão admirados, que perguntavam uns aos outros: “Que vem a ser isto? Uma nova doutrina, com tal autoridade, que até manda nos espíritos impuros e eles obedecem-Lhe!”. E logo a fama de Jesus se divulgou por toda a parte, em toda a região da Galileia. 

Palavra da salvação.


Lectio

Jesus é o Senhor. Por isso, ensina todos os que O ouviam com autoridade. E isso reflecte-se no momento seguinte quando expulsa o espírito maligno do corpo de um homem. Quem é este a quem até o maligno obedece? É o Salvador da humanidade.

Meditatio

Em que se reflecte esta autoridade de Jesus na tua vida?

Oratio

Chegou a altura de conversares com Deus, abre-lhe o coração e fala abertamente com ele sobre aquilo que meditaste antes.

Contemplatio

Quando quiseres, termina este tempo de oração a partir da Sagrada Escritura, sabendo que na autoridade de Jesus há espaço para a liberdade humana e que esse é um dos maiores dons de Deus para os homens.

Marcações: Lect'Yo, Ano B

Imprimir

Cristo Jovem - Pastoral Juvenil, comunicação e evangelização

Juventude que acredita!
Segue-nos em

LECT'YO